Foto: Getty Images
Foto: Getty Images

Por Luigi Torre

Os anos 1970 seguem influenciando a moda também neste inverno 2015. Mas, no caso da Chloé, não se trata de mera tendência. Foi naquela época que a maison viveu seus tempos de ouro e, fazendo um excelente trabalho em recuperar e adaptar a essência da marca para os dias de hoje, Clare Waight Keller faz bem em manter seus olhos voltados para o passado.

O produto, porém, de nostálgico não tem quase nada. Claro, que referências boho em vestidos fluidos e esvoaçantes, tops de camurça e peças com patchwork, lembram a estética hippie 70’s. Porém, de perto, os tecidos se mostram super-ricos, a alfaiataria de cortes e proporções masculinas, por vezes com elementos militares, equilibram a delicadeza e feminilidade tão essencial à grife e, acima de tudo, dão certa maturidade para essa mulher, sem perder seu frescor jovem.

Dão a ela também uma bem-vinda e desejável força sensual, menos frívola e mais alinhada aos valores dos tempos atuais. Clique em nossa galeria para ver looks selecionados da passarela da grife, apresentado neste doming (08.03), na semana de moda de Paris: