Como Jane Birkin deu nome à bolsa mais famosa do mundo

Ela conta sua história com muito humor!

by redação bazaar
Foto: Arquivo Harper's Bazaar

Foto: Arquivo Harper’s Bazaar

Uma das mulheres mais icônicas dos anos 1960, Jane Birkin completa, nesta sexta-feira (14.12), 72 anos. Em seu currículo ela acumula 70 filmes, 19 discos e, claro, por ter desenhado a bolsa mais famosa do mundo: a “Birkin”, da Hermès.

SIGA A BAZAAR NO INSTAGRAM

Foto: Getty Images

Foto: Getty Images

Durante anos, enquanto sua aparência oscilava entre jeans com uma camisa branca amarrada na cintura e um minivestido combinado com botas de cano alto, o acessório onipresente nos looks de Jane – a cesta de vime que ela comprara por cinco libras na Portobello Road – se tornou sua marca registrada. Até que seu então namorado, o diretor Jacques Doillon, atropelou o modelo com seu carro, e de propósito” “Ele disse: ‘É terrível você ser conhecida por conta de um objeto’”, lembra a artista, em entrevista à Harper’s Bazaar norte-americana.

Mas tudo mudou em 1981, quando, enquanto corria para um voo, ela deixou cair todo conteúdo da sua bolsa no chão – e bem na frente do presidente da Hermès, Jean-Louis Dumas. “Começamos a conversar e eu disse: ‘Você deveria fazer a bolsa Kelly, mas três tamanhos maiores e fazer com que ela se feche’”, disse ao executivo. “Ele ficou intrigado, então eu peguei um daqueles sacos de vômito e disse: ‘Você pode fazer isso por mim?’”, mostrando a dobradura.

A bolsa leiloada por R$ 800 mil - Foto: Divulgação

A bolsa leiloada por R$ 800 mil – Foto: Divulgação

O resto, como dizem, é história. Trinta e cinco anos depois, a bolsa Birkin ainda é um dos acessórios mais procurados do mundo. “Eu acho que isso fez da Hermès muito rica”, ela diz, despreocupadamente. “É uma linda bolsa.” Em junho deste ano, uma Birkin feita de couro croco, com fechadura em ouro branco e diamantes, foi leiloada por impressionantes R$ 800 mil na Christie’s, em Londres.

E no caso de você estar se perguntando, Jane não tem uma coleção vertiginosa do acessório. Ela é dona de apenas uma. “Todas as outras coloquei à venda para a Anistia Internacional, Handicap International e Anno’s Africa, há cerca de 10 anos”, diz ela. “Não adianta colecioná-las no armário”, finaliza.

Leia mais:
Bolsa quebra recorde e é leiloada por mais de R$ 800 mil
Bolsa de valores: modelos da vez para cada signo
Jane Birkin estrela campanha da Saint Laurent