Graziela Kaufman - Foto: reprodução
Graziela Kaufman – Foto: reprodução

Por Carol De Barba

A joalheira brasileira Graziela Kaufman está fazendo a cabeça – e as orelhas – de celebridades internacionais. Taylor Swift, Kelly Osbourne, Jennifer Lawrence, Katherine Heigl e Rachel McAdams são alguns dos nomes que já apareceram nos red carpets utilizando suas criações.

O boom de sua marca, Graziela Gems, aconteceu quando personalidades começaram a usar suas wave earcuffs (foto abaixo), que logo ganhou status de must have. “Foi o que realmente me colocou no mapa, fez com que estilistas, PRs, celebridades, enfim, todos começassem a me procurar”, conta Graziela.

Criada há 5 anos, a etiqueta é totalmente norte-americana, mas com um DNA bem brasileiro. Apesar de apostar em um design cool, com formas mais limpas e geométricas, toda pedraria utilizada é brasileira. “A inspiração vem muito do Brasil. Da mulher brasileira, que adora tudo que é badalado, quer sempre o melhor e está ligada nas últimas tendências”, diz ela.

Wave earcuff, a peça queridinha das celebridades
Wave earcuff, a peça queridinha das celebridades

No lugar de criar coleções de acordo com a estação, Graziela investe em linhas que crescem conforme ela desenvolve novidades e adquire novas gemas – uma delas é a One of Kind, composta por itens únicos e exclusivos. “Crio muito em torno da pedra – é a primeira coisa que escolho. Vou em todos os trade shows para saber o que está acontecendo”, explica.

Além das pedras coloridas, Graziela também aposta no pavê – a técnica consiste em “pavimentar” o metal com diamantes. Os anéis feitos dessa forma são os itens favoritos das célebre clientela.

O amor pelas joias passou de geração para geração na família de Graziela. “Meu avô era joalheiro, e as mulheres da família sempre amaram joias”, conta. Aos 19 anos, a joalheira começou a vender os acessórios produzidos por uma amiga carioca. Gostou tanto que resolveu pedir ajuda ao avô para começar a desenvolver suas próprias peças.

Bracelete, anel e brinco desenvolvido por Graziela Kaufman
Bracelete, anel e brinco desenvolvido por Graziela Kaufman

Mas foi apenas sete anos mais tarde, após casar e se mudar para os Estados Unidos, que as coisas começaram a acontecer. Mesmo contando com a bagagem familiar, Graziela fez alguns cursos no Gemological Institute of América – a melhor escola de pedras preciosas do continente. “Para você entender de pedras tem que estudar. É um meio muito complicado”, explica, referindo-se ao mercado das gemas.

Atualmente, as joias estão à venda apenas nos EUA ou online para poucos países.