Por Sylvain Justum

A moda da 2nd Floor atravessou o mar e ancorou na passarela do Fashion Rio trazendo ao encontro de elementos bem brasileiros influências western dos Estados Unidos.

Elvis Presley encontra Carmem Miranda, dizia o release. Na prática, franjas, chapéus e (ótimas) botas cowboy em releituras urbanas completam os vestidinhos, macacões e saiotas de alma girlie recorrentes na coleção de verão 2013.

A cartela, a princípio minimalista, essencialmente em preto e branco, cresce e incorpora cores da fauna e da flora tropical – como os simpáticos prints de tucanos e araras a decorar barrados de saias e vestidos -, até explodir nas cores da bandeira brasileira no otimista bloco final.

 O clima é lúdico, mas a coisa fica séria quando o assunto é alfaiataria. Destaque para os maxicoletes e blazers curtos e sequinhos, bem combinados com a camisaria plissada, boas ideias para a noite das meninas no saloon.

Para o dia, elas vão de jeans silkado com motivos arabescos ou com as boas peças em nobuck – jaquetas, saias e vestidos -, que ganham relevância quando vazadas a laser. Dessa turma, guarde o vestido azul que fecha o desfile, com micro escamas no barrado do vestido, conseguidas com a técnica.

É no time dos coloridos que saem as ideias mais sofisticadas da coleção, com lindos looks esvoaçantes de t-shirts e saias em georgette.

O Melhor Look: Além do vestido azul do final, escolhemos a entrada de top branco e print de tucanos, usado com short preto, escarpim de salto grosso e clutch agarrada na mão.

O acessório: A bota curta peep toe, de alma country mas ideal para o asfalto. Honra ao mérito também para os colares de cabeça de boi e as pulseiras de arame farpado desenvolvidos pela Skull.

Trilha: Mallu Magalhães acertou no repertório, cantando live hits como “Suspicious Minds”, do Elvis, e o imortal samba-enredo “É Hoje” .