Destaques da primeira coleção de alta-costura de Sonia Rykiel

Julie de Libran, diretora criativa da label, honrou a estilista no primeiro desfile de alta-costura da marca

by Beatriz Poletto
Foto: Reprodução/Now Fashion

Julie de Libran – Foto: Reprodução/Now Fashion

Para celebrar os 50 anos da marca francesa Sonia Rykiel, o Chambre Syndicale convidou a label para fazer sua estreia na alta-costura no inverno 2018. Julie de Libran, diretora criativa à frente da marca, desenvolveu uma coleção seguindo os passos da estilista “rainha do tricô”. Sonia Rykiel faleceu em 2016, em decorrência do mal de Parkinson.

O desfile, realizado na manhã de domingo (01.07), em Paris, apresentou peças que não chegarão às lojas. Elas serão vendidas apenas no esquema “made-to-order” – ou seja, sob encomenda – e em edição limitadíssima.

SIGA A BAZAAR NO INSTAGRAM 

Foto: Reprodução/Now Fashion

Foto: Reprodução/Now Fashion

Honrando o legado de Sonia Rykiel, o tricô e as listras marcaram presença na coleção. Na cartela de cores encontramos as cores primárias azul, magenta e amarelo, assim como o clássico preto e tons de nude.

Foto: Reprodução/Now Fashion

Foto: Reprodução/Now Fashion

O tafetá fez sua entrada como tecido complementar à alfaiataria, como blazers e grandes laços arrematando o visual.

Foto: Reprodução/Now Fashion

Foto: Reprodução/Now Fashion

Para adicionar diversão às criações da Sonia Rykiel, as plumas apareceram nos looks, assim como a transparência. Detalhes que também apareceram nas peças de Miuccia Prada, para  Miu Miu.

Foto: Reprodução/Now Fashion

Foto: Reprodução/Now Fashion

Moletons em paetê e no tricô descontraíram o desfile de alta-costura.

Foto: Reprodução/Now Fashion

Foto: Reprodução/Now Fashion

Exuberantes, as peças finais arremataram a apresentação.

LEIA MAIS
10 coisas que amamos do cruise 2019 da Miu Miu
10 coisas que amamos da estreia de Kim Jones na Dior