Desfile de Fernanda Yamamoto na temporada de inverno 2012 do SPFW/Fotosite

Mais uma notícia quente causando burburinho no mercado da moda nacional. No mesmo dia em que Giselle Nasser anunciou sua saída da direção criativa da Cori; Paulo Borges noticiou que, a partir do inverno 2013, o SPFW não será mais na Bienal.

O comunicado foi feito nesta terça-feira (29.05) durante a palestra que o diretor da Luminosidade deu no Salão +B da Abest, sobre as mudanças no calendário de moda, que ficará mais próximo do internacional (a partir do inverno 2013, os desfiles acontecem em outubro e março, e não mais em janeiro e junho).

“Faz parte de um período de adaptação a essa mudança”, explicou Paulo, que ainda não revelou o novo local.

A mesa de discussão ainda contou com a presença de Gloria Kalil; e dos estilistas Valdemar Iodice, presidente da ABEST, e Roberto Davidowich, vice-presidente.

Outro ponto levantado durante a discussão foi o crescimento do fast fashion e como o investimento de empresas como C&A e Riachuelo em parcerias com estilistas bacanas acelerou todo o processo da cadeia produtiva e obrigou as marcas a apresentarem várias coleções durante o ano.