Foto: reprodução
Foto: reprodução

Por Ligia Carvalhosa

“Minha assinatura é o inesperado que se pode conseguir da simplicidade”, descreve a dinamarquesa Maria Black sobre sua marca homônima.“Acho que a joia deve ser algo para brincar e surpreender, ao mesmo tempo em que faz a mulher se sentir elegante. Sempre quis projetar joias em metais preciosos com a liberdade das bijoux.” Entre piercings, pulseiras e brincos, o resultado é altamente desejável.

Assine a Bazaar e receba seu exemplar em casa