Cartucheira da UMA - Foto: Caio Ramalho
Cartucheira da UMA – Foto: Caio Ramalho

Por Renata Brosina e Rodrigo Yaegashi 

O segundo dia do São Paulo Fashion Week, na segunda-feira (23.04), começou direto do Museu da Imigração, onde a estilista Raquel Davidowicz visitou diversas culturas cheias de história para apresentar uma coleção minimal e cheia de atitude da grife UMA. A new it-bag da label vem presa à cintura, e Bazaar ama as cartucheiras de nylon e couro que desenham a silhueta feminina, nas cores azul e preta.

 

 

Looks da coleção "ASAP", da Osklen - Fotos: Reprodução/Agência Fotosite/FFW.com.br
Looks da coleção “ASAP”, da Osklen – Fotos: Reprodução/Agência Fotosite/FFW.com.br

Já no Paque Ibirapuera, a sequência de desfiles continuou com a coleção “ASAP – As Sustentable as Possible”, da Osklen, foi o grande destaque do dia. Com 98% das peças feitas com materiais sustentáveis, a marca utiliza matérias-primas que apoiam não só o ambiente, mas as comunidades que as produzem.

 

 

O make "princesa" da PatBo - Fotos: Divulgação e Caio Ramalho
O make “princesa” da PatBo – Fotos: Divulgação e Caio Ramalho

Na beleza, a eleita a PatBo. A equipe de maquiadores da marca trabalhou com pontos de luz em cristais no canto do olho, à la anos 2000, como contraste certo para os looks esportivos/vitorianos que cruzaram a passarela.

 

 

Backstage do desfile de verão 2019 da Lilly Sarti - Foto: Vinicius Postiglione
Backstage do desfile de verão 2019 da Lilly Sarti – Foto: Vinicius Postiglione

Para fechar o dia, a cartela terrosa da grife Lilly Sarti, que caminha entre a gama de avermelhados a alaranjados, conquistou a preferência da Bazaar. O verão da marca brinca com cores quentes, com destaque para a ginga leve dos babados, transparências e franjas, que encerram o dia com total “good vibes!”.

Tons terrosos na Lilly Sarti - Fotos: Reprodução/Agência Fotosite/FFW.com.br
Tons terrosos na Lilly Sarti – Fotos: Reprodução/Agência Fotosite/FFW.com.br