Gustavo Lins - Alta Costura - Verão 2013/Fotos: Marcio Madeira

Com seu desfile realizado nesta terça-feira (22.01), Gustavo Lins traz oxigênio brasileiro à semana de alta costura de Paris. Entre as inspirações do estilista mineiro, a porcelana se destaca e ainda serve de cenário para o desfile: um vestido-escultura, resultado de uma parceria entre Lins e a manufatura francesa de Sèvres, estava posicionado no centro da passarela.

As pedras brasileiras – como quartzo, topázio e turmalina negra – também são itens-chave da coleção, aplicadas em pingentes e braceletes em prata e ouro branco, desenvolvidos pela Maison Goossens, em Paris.

Gustavo Lins - Alta Costura - Verão 2013/Fotos: Marcio Madeira

Toques de cores vibrantes remetem aos nossos trópicos, enquanto as costas nuas – uma característica do estilista – refrescam os vestidos de noite, moldados em grandes retângulos de seda presos ao pescoço, lembrando pareôs – Gustavo é craque do moulage, vale lembrar.

O couro compõe trench-coats inteiros, mas também aparece em detalhes, misturado à seda. Cashmere, flanela e pele são outras apostas do designer para criar as silhuetas estruturadas da coleção. Casacos oversized são emprestados do guarda-roupa masculino, mas se mantêm femininos graças as cinturas bem marcadas.

Gustavo Lins - Alta Costura - Verão 2013/Fotos: Marcio Madeira