Foto: Reprodução/ Harper's Bazaar America
Foto: Reprodução/ Harper’s Bazaar America

A Fundação Kate Spade New York anunciou, neste quarta-feira (20.06), que irá doar R$ 3,75 milhões para a prevenção de suicídio e conscientização da saúde mental. Kate Spade, que fundou a label com seu marido, Andy Spade, em 1993, morreu no dia 05 de junho. A causa da morte foi concluída como suicídio por enforcamento, decorrente de uma depressão.

SIGA A BAZAAR NO INSTAGRAM  

Foto: Reprodução/Harper's Bazaar Singapura
Foto: Reprodução/Harper’s Bazaar Singapura

A Fundação Kate Spade começará doando R$ 1 milhão para a organização Crisis Text Line, que fornece uma linha telefônica para a qual as pessoas com depressão podem enviar mensagens e receber apoio de profissionais. Entre os dias 20 e 29 de junho, a label receberá doações públicas para a organização, até atingir a soma de R$ 300 mil. As doações podem ser feitas pelo site crisistextline.org/katespadeny.

A marca também irá implementar em sua companhia o dia global de prevenção à saúde mental, incentivando funcionários a prestar atenção aos riscos, causas e formas de tratamento.

LEIA MAIS
Kate Spade morre aos 55 anos
Miss Piggy é o rosto da campanha de fim de ano da Kate Spade