A apresentação de Christian Louboutin nesta quinta-feira (10.11) no IHT trouxe sexo (e humor) em pauta nesta tarde de conferências. Ao contar que quando desenha seus sapatos, sempre imagina uma mulher nua, o designer mais requisitado do momento fez a alegria da plateia e de Suzy Menkes, que também não conseguiu segurar o riso.

Louboutin falou sobre sua carreira e seu negocio. O designer contou que sua principal intenção quando fundou a marca há vinte anos era criar sapatos bonitos para mulheres e confessou que prefere trabalhar com pequenas linhas de produção em seu ateliê, que ele gosta de chamar de laboratório.

E nesta conferência, que acabou com um bate papo entre Louboutin, Suzy Menkes e Charlotte Dellal, surgiu uma pergunta sobre a opinião de Louboutin em relação as mulheres brasileiras.  E a resposta foi exatamente como era de se esperar. O jeito sedutor de nossas mulheres tem tudo a ver com o estilo de sua marca. “O Brasil é um país fácil com mulheres femininas que gostam de andar, dançar e isso tem a ver com a identidade de minha marca. Não é difícil de entender as mulheres do Brasil”.

Quando Charlotte Dellal – aka Charlotte Olympia – subiu ao palco, a discussão girou em torno do conforto versus estética e, até que ponto as mulheres estão dispostas a sofrer em nome de um bom sapato. Suzy Menkes então recorreu à Diane Von Fustenberg, que disparou: “Toda mulher está disposta a sofrer um pouquinho para ficar bonita”. E a plateia concordou!