Foto: Divulgação/Rodrigo Zorzi

Por Anna Del Mar

Olivia Wilde é conhecida por seu gosto impecável nos tapetes vermelhos mundo afora. A atriz veio ao Brasil a convite da Bo.Bô e a Bazaar foi bater um papo fashion com a moça. E ela começa falando sobre o seu estilo: “Sou bem eclética. Gosto de variar a roupa de acordo com o ambiente e o clima. Gosto de arriscar, de ver o que os designers imaginam para o futuro, as diferentes formas, materiais e cores. Acho que os red carpets são uma ótima oportunidade para fazer experiências. Muitas pessoas diriam o contrário, mas eu discordo. Em Hollywood temos a oportunidade de usar roupas maravilhosas, então, porque não se divertir com isso?!”

Seus designers preferidos? “Gosto do trabalho de vários designers, desde os grandes e famosos até marca mais desconhecidas”, responde, super política, sem querer citar nomes de estilista específico. “Foi muito divertido, neste trabalho com a Bo.Bô, aprender um pouco mais sobre a moda brasileira e sobre o Brasil, que eu conhecia um pouco de quando tinha estado aqui anos atrás (ela veio a trabalho para filmar cenas do filme Turistas)”.

O assunto serviu de deixa para descobrirmos o que ela acha da forma como as brazilians se vestem: “A moda brasileira parece refletir exatamente seu espírito: sexy, divertida e ousada. As mulheres gostam de inovar em estampas, acessórios e cores, sem medo. Ao contrário da austeridade chic da moda parisiense ou russa, por exemplo”, afirma a atriz, apesar de confessar que não conhece outra marca nacional além da Bo.Bô. “O jeito de se vestir dos brasileiros celebra a vida, e acho que as pessoas deveriam fazer mais disso na moda”, finaliza. Bazaar concorda!