Os destaques do retorno de Alber Elbaz para as semanas de moda
Foto: Divulgação

Uma das apresentações mais esperadas da semana de moda de alta-costura encerrou o segundo dia do evento: o retorno de Alber Elbaz, agora à frente da sua nova marca, a AZ Factory. Como o próprio designer diz no vídeo que apresenta a coleção, a label vai além de uma marca, é um espaço de criação e iniciativas a serem observadas.

SIGA A BAZAAR NO INSTAGRAM

Tecnologia foi a palavra de ordem do primeiro show da AZ Factory, que não terá coleções e, sim, projetos. No vídeo, podemos conhecer as três primeiras iniciativas. “My Body”, resultado de um estudo para a criação de um tecido que abraçasse diferentes corpos, representados no vídeo por um casting diverso.

Já o chamado “Switchwer” foi criado pensando naquele momento em que estamos descansando ou nos exercitando e, segundos depois, precisamos entrar em um call de trabalho. Moletons e pijamas se transformam em looks elegantes com acréscimo de novas peças.

Já para o projeto “SuperTech-SuperChic”, Elbaz volta ao laboratório para a adaptar a microfibra de nylon – tipicamente usada para underwear e activewear – na criação de peças elegantes e que se adaptam a diferentes ocasiões e estações. Em seu tempo afastado de grandes marcas, Elbaz refletiu sobre a importância da moda nos dias atuais e, em sua primeira apresentação, ele mesmo traz a respostas: ela é um veículo das necessidades e vontades da sociedade e, unida à tecnologia, um enorme espaço a ser explorado por mentes criativas.

Veja os destaques do retorno do designer:

O storytelling

Elbaz descreveu a própria marca como uma “empresa de produção e comunicação” e, sendo assim, o vídeo de apresentação da marca não poderia ser diferente. Uma junção de entretenimento, informação de moda e reflexão da atualidade, a produção vai além dos tradicionais desfiles ou das apresentações extremamente conceituais: é acessível, divertida, compreensível e traz esperanças a quem busca um novo sentido para a indústria.

A diversidade

Enquanto algumas marcas selecionam com atenção as peças que vão vestir corpos gordos, com o intuito de escondê-los ao invés de valorizá-los, a AZ Factory optou por provar que uma boa roupa veste qualquer corpo. Sendo assim, o projeto “My Body” tem opções que vão das menores modelagens às maiores, usando a tecnologia do tecido para abraçar curvas e dar conforto a qualquer silhueta.

A tecnologia

Quem esperava apenas novas criações de moda se surpreendeu, Elbaz foi além e se jogou na tecnologia para criar seus novos projetos. Segundo o próprio designer diz no início do vídeo, depois de inúmeras viagens, o Vale do Silício foi sua maior inspiração.

A conexão

Não adianta fazer moda sem saber o que rege a sociedade e, ciente disso, Alber Elbaz incluiu as maiores tendências deste momento – o conforto e o homewear – em sua coleção apresentada durante a semana de moda de alta-costura. Pode assustar ver roupas de ginástica e pijamas em um evento conhecido pelo luxo e ousadia, mas é na reinvenção de papéis que a moda realmente se destaca.

O zíper

Pode parecer banal, mas só quem precisou se trocar correndo e sozinha vai valorizar este pequeno detalhe observado por Elbaz. Já parou para pensar que a maior parte das roupas masculinas fecham – seja com botão ou zíper – pela frente, enquanto as femininas têm complicados zíperes na parte de trás? Inspirada em roupas de surf, a AZ Factory apresenta uma solução que, além de prática, acrescenta ainda mais charme às peças.