Pavlova tropical: os brancos e os cítricos do verão

Inspirados pela alva alfaiataria e pelos elétricos tons desfilados em Nova York, apresentamos uma receita irresistível de pavlova. Delicie-se!

by redação bazaar
Pavlova com frutas cítricas

O lado mais doce da moda. Foto: Getty Images. Arte: Oda Moura

Eu sou Otávia Sommavilla, chef de cozinha e apaixonada por moda e arte. E é de onde tiro inspiração que vai além do que vestir. Me influencia a criar meu dia a dia, que acontece em grande parte dentro da cozinha. Lá que faço meu trabalho e também onde encontrei minha missão: tornar uma necessidade básica em algo que vai além, em todos os sentidos possíveis.
Talvez por dar tanta importância assim ao ato de alimentar, muito do que eu vejo acaba se traduzindo em sabor, cheiro, cor e textura. Estamos em plena temporada de desfiles, começando com a energia de Nova York e de uma centena de shows que ferveram ainda mais a Big Apple.

passarela

Confeitaria completa! Carolina Herrera, Oscar de la Renta, Jason Wu, Lacoste, Donna Karan e Alexander Wang

Tendências, celebridades, novidades… E assistindo a tantos shows de moda, o que mais me inspirou foi a explosão de cores: tons cítricos, uma pitada de neon, um verdadeiro deleite para os olhos.

Juntando cores poderosas com o branco cremoso dos tops volumosos e das camisas de alfaiataria desconstruídas, só consegui pensar em uma coisa: Pavlova!

Pavlova com frutas cítricas

Hmmmm: Pavlova de frutas

Que tal preparar uma sobremesa no clima da NYFW? Ela combina muito com a primavera que está chegando.
Receita das mais clássicas, não se sabe ao certo quem a inventou. Teria sido criada em homenagem à bailarina russa Anna Pavlova, provavelmente na Austrália. Não tem muito segredo para preparar – merengue, creme e as frutas mais frescas que você encontrar. Uma boa pavlova tem base crocante e sequinha, o que você consegue assando o merengue em temperatura bem baixa.
A dica para quem quiser ganhar tempo é apostar em uma versão “desconstruída”: Merengue comprado pronto, alternado com o creme chantilly e frutas frescas, montado direto na taça. Vai ficar lindo, refrescante e com a mesma pegada Spring Summer 2017!

 

Pavlova de frutas
Rendimento: 6 porções

Para a base de merengue:
03 claras
175 g de açúcar de confeiteiro (sem amido)
1 colher de chá de amido de milho
½ colher de chá de vinagre
2 colheres de chá de agua fervente

Separe todos os ingredientes.
Comece a bater as claras com a ajuda de uma batedeira em velocidade média. Bata até que elas cresçam, espumem e, ao levantar as pás da batedeira, os picos macios se formem.
Acrescente o açúcar aos poucos, em 03 ou 04 vezes, batendo continuamente. Bata por mais 05 minutos, até que todo o açúcar esteja incorporado à mistura.
Para tirar a dúvida, pegue um pouco da mistura entre os dedos: você não deve sentir mais nenhum grão de açúcar.
Acrescente o amido de milho, bata e, por fim, adicione o vinagre e a água fervente, batendo novamente.
Coloque às colheradas em uma assadeira plana, forrada com papel manteiga ou com uma folha antiaderente (encontrada em lojas de produtos para confeitaria).
Com a ajuda de um saco de confeitar e bico, forme as bordas da Pavlova, colocando o merengue em círculos.
Leve ao forno a 120 graus por aproximadamente 1 hora e meia. Os discos ficaram firmes e secos, permanecendo brancos.
O segredo para conseguir um merengue sequinho e crocante é o cozimento lento em temperatura baixa.
Também é super importante deixar o doce esfriar dentro do forno, por pelo menos uma hora, para evitar choques de temperatura.

Pavlova com frutas cítricas

Merengue sequinho + creme de baunilha

Para o creme
400 ml de creme de leite fresco
01 fava de baunilha
04 colheres de sopa de açúcar de confeiteiro
* optei por deixar este creme menos doce, já que a base da sobremesa é bem doce. Caso goste, aumente a quantidade de açúcar .

Coloque o creme de leite no freezer por 20 minutos, antes de começar a bater, para que esteja bem gelado.
Abra a fava de baunilha pelo sentido do comprimento e, com a ponta de uma faca, raspe as sementinhas dos dois lados da fava, acrescentando ao creme.
Comece a bater, junte o açúcar e bata até que fique bem consistente.
Cuidado para não bater demais, pois pode talhar.
Reserve na geladeira.

Pavlova com frutas cítricas

Frutas frescas em tons vibrantes

Montagem:
Você pode escolher as frutas de sua preferência.

150 g de morangos frescos
150 g de mirtilos
½ goiaba vermelha
¼ de manga tomy madura
1 kiwi
¼ de melão Orange cortado em bolinhas
Alguns grãos de romã
Flores comestíveis
3 colheres de sopa de mel ou xarope de mapple

Coloque o merengue assado no centro do prato, disponha uma porção do creme no centro e arranje as frutas de forma decorativa. Conserve na geladeira.
Na hora de servir, para dar um brilho lindo, jogue um pouquinho de mel ou xarope de mapple nas frutas.
Esta sobremesa deve ser montada no dia em que será servida, para que o merengue assado esteja crocante e sequinho.