Por Eduardo Rolo 

Na última semana, várias marcas apresentaram suas coleções de alta-joalheria em Paris. Casas famosas, como De Beers, Van Cleef & Arpels, Chanel e Piaget montaram seus showrooms na cidade luz, e como sempre impressionaram ao exibir peças únicas feitas dos mais preciosos materiais.

Desconhecida do grande público, a alta-joalheria atrai compradores que procuram peças imponentes – e exclusivas. Geralmente esses itens são desenvolvidos por um só joalheiro e podem demorar muitos meses para ficar prontos. Originária da França, a modalidade requer que a marca atinja um certo patamar qualidade – de produtos e de mão-de-obra. “Haute joaillerie é equivalente às roupas de alta-costura. As joias são desenvolvidas por designers e artesãos excepcionais”, diz Michael Magee, diretor sênior do Instituto Gemológico da América.

Diferente da joalheria regular, a alta-joalheria trabalha com conceitos e símbolos típicos das marcas, ao invés de tendências passageiras. Ouro em seus mais altos quilates e platina são alguns dos materiais mais usados no nicho, que trabalha com peças one-of-a-kind ou coleções limitadas, possibilitando que as marcas foquem mais em qualidade e não no preço – que pode chegar facilmente a R$ 12 milhões por um colar, por exemplo.

Na confecção de peças preciosas o trabalho manual é ultra-valorizado. Algumas das técnicas usadas tradicionais são passadas de geração para geração de artesãos – é o caso da pintura característica de marcas como Cartier e Harry Winston. “Clientes exclusivos esperam a melhor e mais requintada qualidade, sem se preocupar com orçamentos”, revela Magee. Por isso, tanto tempo é investido na procura da pedra perfeita, que geralmente guia a coleção.

Nas fotos acima, veja algumas joias do tipo apresentadas recentemente. Impossível não desejar!

Leia mais:
Junho é o mês dedicado às pérolas; saiba mais sobre elas!
Maio é mês da esmeralda; saiba mais sobre essa pedra
Shine bright… Saiba tudo sobre o diamante, pedra do mês de abril
Conheça a pedra do mês de março: água-marinha
Minha pedra é ametista… Conheça a gema do mês de fevereiro!
Conheça a granada, a pedra do mês de janeiro