Foto: Getty Images
Foto: Getty Images

Por Luigi Torre

Depois de um verão dedicado aos clássicos do sportswear americano, os estilistas Lazaro Hernandez e Jack McCollough, da Proenza Schouler, decidiram elaborar um pouco mais suas propostas para o inverno 2015. Pense em tecidos pesados, um infinidade de texturas densas e processos tecnológicos avançados.

Ainda assim, a aparência é da uma certa simplicidade extrema, bruta até, como que formas e materiais ainda estivessem em seu estado cru. É com essa abordagem que os designers apresentam seus casacos com cortes retos, barras inacabadas e construções enroladas no corpo (uma certa tendências desta NYFW).

Vem daí também os sexy vestidos com recortes laterais, tipo uma nova versão de bandage dressing, aos poucos se desprendendo do corpo até as barras. Apesar da imagem pesada (e algumas peças realmente são), há certo senso de liberdade – ou ao menos uma liberdade criativa, totalmente desejada numa semana de moda dominada por coleções algo controladas demais.

Clique em nossa galeria para ver looks selecionados da passarela da grife, em desfile realizado nessa quarta-feira (18.02):