Por Ligia Carvalhosa

Uma fantasia completa de Carnaval pede um belo adereço de cabeça. A convite de Bazaar, quatro designers conceberam peças exuberantes para os dias de folia. Confira:

À esquerda, Tula Casqueteria; à direita, Eduardo Laurino - Fotos: reprodução/Bazaar
À esquerda, Tula Casqueteria; à direita, Eduardo Laurino – Fotos: reprodução/Bazaar

Tula Casqueteria, na imagem acima, à esquerda: “Temos peças que podem ser produzidas em cinco horas, e outras que levam uma semana. A cabeça de Bazaar, por exemplo, levou seis dias para ser confeccionada”, conta Denise Nascimento, que se inspirou no Baile do Copacabana Palace para desenhar o adereço franjado de seda pura e vidrilhos sobre armação de arame. Com especialização, em Londres, com Prudence Millinery, chapeleira oficial de Vivienne Westwood, a designer fundou sua Tula Casqueteria em 2011. Além da coleção ready-to-wear, ela cria sob medida, com materiais como organza, veludo, plumas e pérolas de água-doce.

 

Eduardo Laurino, à direita. “Busquei inspiração na arquitetura brasileira e nas referências modernistas do País”, conta Eduardo, sobre a peça com base em tafetá de seda rosa e penas de faisão que desenhou para nós. Formado pela Santa Marcelina, o designer fundou sua marca homônima em 2007. Hoje, é nome certo em editoriais de moda, além de compor o figurino de peças do Theatro Municipal e looks de desfiles do SPFW. Feltros, palhas, telas, penas e plumas são materiais-chave em suas criações.

 

die Ego - Foto: reprodução/Harper's Bazaar
die Ego – Foto: reprodução/Harper’s Bazaar

die Ego. “A paleta das páginas da revista sempre me chamou atenção”, diz Diego Cattani sobre sua criação para Bazaar. “Montei a casquete a partir de um cristal de riqueza única de tons, de harmonia entre ferrugem, ocre, brancos, beges e amarelos”, explica ele, que lançou sua dIE EGO em 2004 produzindo pingentes esculpidos em madeira. Hoje, colabora com grifes como Juliana Jabour, Ellus e Têca, e tem espaço exclusivo no Studio Esther Giobbi, em São Paulo, com uma linha completa de acessórios em couro, plumas e pedras brasileiras.

 

Walério Araújo - Foto: reprodução/Harper's Bazaar
Walério Araújo – Foto: reprodução/Harper’s Bazaar

Walério Araújo. “A ideia foi fazer uma cabeça que dá aquele ar de mistério, que, no fundo, todos querem imprimir”, diz Walério Araújo, estilista conhecido pelos desfiles de pura extravagância e provocação. “A especialidade da minha marca é bem eclética, vai dos vestidos de festa, noiva e fantasia aos muitos adereços de cabeça, minha grande paixão”, completa ele, que abusou dos veludos, franjas de plumas e cristais para desenhar a peça exclusiva que estampa esta Bazaar. Tel.: (11) 32587665