Foto: Novo Fotografia
Raquel de Queiroz, verão 2020 – Foto: Novo Fotografia

O último dia de desfiles da 24ª edição do Minas Trend provou que o evento é mineiro de verdade. A riqueza da cultura barroca e o perfeccionismo foram evidenciados nas criações dos estilistas na noite passada (10.04).

Os bordados pontuaram as coleções do verão 2020, enquanto o couro também foi trabalhado com maestria por Patricia Motta. As raízes da arte mineira foram vistas em desenhos, modelagens e styling, mostrando o verdadeiro lado da moda mineira: o berço dos talentos fashions brasileiros.

Bazaar conversou com exclusividade com as estilistas das marcas mais badaladas do evento! Veja a seguir:

SIGA A BAZAAR NO INSTAGRAM 

Denise Valadares

Foto: Novo Fotografia
Foto: Novo Fotografia

Intitulada “Crystals”, a coleção de Denise Valadares em colaboração com o stylist Albert Franconaid apostou no universo dos cristais para construir seu verão 2020. A lese bordada, mangas bufantes e as saias rodadas trouxeram para passarela a vibe da memória afetiva da dupla. O pink e amarelo marcaram a coleção fazendo justiça às trends vistas nas temporadas de moda internacionais.

“O perfil romântico da Denise com um mood dos anos 1980 com o folk e as tendências atuais”, disse Franconaid sobre a base das criações. “A denise usa o bordado típico mineiro, que é cheio de detalhes, e o leva a outro nível”, continuou o stylist. A label é a cara do street style!

Patricia Motta

Foto: Novo Fotografia
Foto: Novo Fotografia

“As peças foram criadas a partir dos quatro elementos que curam, que são a água, o ar, a terra e o fogo”, disse a estilista sobre a coleção intitulada “Cura”. A riqueza do trabalho da mineira está evidente nos couros pintados à mão, bordados e até peças no estilo patchwork – misturando couro e tricô – foram apresentadas pela label. Com muita elegância e finesse, a marca é a cara da mulher Bazaar.

Raquel de Queiroz 

Foto: Novo Fotografia
Foto: Novo Fotografia

“Minha história com a moda e com a arte vem desde criança. E nessa coleção eu quis contar um pouco sobre a minha história. Tenho um caderno de poesias ilustradas, com trabalhos de Vinícius de Moraes e Carlos Drummond de Andrade. Esse caderno foi o ponto de partida da inspiração da coleção”, disse a estilista Raquel de Queiroz. Suas peças são dignas dos tapetes vermelhos internacionais. E para enriquecer ainda mais seu verão2020 no Minas Trend, o desfile aconteceu ao som de Elba Ramalho, ícone da cultura brasileira.

Foto: Novo Fotografia
Foto: Novo Fotografia

Leia mais:
Explosão de cores e brasilidade marcam a segunda noite da 24ª edição do Minas Trend
Minas Trend investe em cultura e diversidade para o verão 2020
Minas Trend: três spots para aproveitar Belo Horizonte
NotEqual: conheça a grife do mineiro Fabio Costa