Renzo Rosso - Foto: Getty Images

O mercado da moda se movimenta mais uma vez nesta quinta-feira (20.12), com um aguardado anúncio de que a holding Only the Brave – comandada por Renzo Rosso – esteja comprando a Marni. As informações foram divulgadas nesta madrugada, pelo WWD.com. O objetivo de Rosso, diz o veículo, é expandir a atuação da Marni pelo mundo. Desde outubro de 2012, o CEO da grife, Gianni Castiglioni, já havia declarado que estava atrás de um parceiro comercial. A Only the Brave já controla grifes como Diesel, Viktor & Rolf e Maison Martin Margiela.

Update
Rosso acaba de confirmar, às 12h desta quinta, que é agora acionista majoritário da Marni. “A Marni é maravilhosa, global e icônica”, resume o italiano. “Ofereceremos mais energia e recursos para torná-la uma marca brilhante.” Os termos do acordo não foram detalhados, mas já se sabe que Consuelo Castiglioni seguirá na direção criativa da grife, e que Gianni Castiglioni dividirá o posto de CEO com o próprio Rosso.