Desde o começo de março circulam boatos envolvendo o designer Alexander Wang e um processo trabalhista milionário.

Eis que hoje (19.03) surge uma nova notícia sobre o caso, dando conta de que a ação contra Wang – que agora também abrange  seu irmão Dennis -, ganhou força e será transferida para o tribunal federal.

Inicialmente, um de seus ex-funcionários, Wenyu Lu, estava processando os irmãos em um valor de US$ 50 milhões, por condições de trabalhos desumanas.

Agora, o ex-funcionário ganhou uma aliada – assim como o advogado de acusação havia prometido que conseguiria no início de toda a história – e resolveu retirar a denúncia do tribunal de pequenas causas para reabri-la na justiça federal – onde ele será representado por um advogado mais experiente em direito trabalhista.

A colega de Lu que irá reforçar o caso, é Flor Duarte, que segundo o que foi dito, foi demitida após tentar negociar com a empresa dias de folga com base em banco de horas.

Enquanto isso, a assessoria de Wang, que já havia se pronunciado negando os boatos, reafirmou ao Page Six que “toda e qualquer alegação é mentirosa”.

Foto: Getty Images