Foto: Divulgação
Foto: Divulgação

Bazaar entrevista a designer de joias Tatiana Alberich, que migrou do design de interiores com mais de 10 anos de experiência, para criar sua marca de joias com design como ela mesma define como autoral, chique e cool, para mulheres modernas e de espírito jovem.

SIGA A BAZAAR NO INSTAGRAM

Em pouco tempo de marca, tem criado coleções com joias expressivas que misturam o ouro 18k e pedras nobres.

Por que você decidiu migrar da decoração para o mercado de joias? o que te motivou a mudar de carreira?
Minha entrada no mercado de joias fluiu naturalmente quando comecei a desenvolver colares decorativos para adornar meus projetos de decoração. Sempre fui apaixonada por joias e, naquele momento, resolvi me aprofundar nas técnicas de ourivesaria para desenvolver esse novo design que estava inquieto dentro de mim.

De onde surgiu a paixão pelas joias?
Eu sou neta, filha e sobrinha de artistas plásticos, designer e escultores, então minha infância foi sempre muito rica em referências de arte, moda e beleza em geral. Sou fascinada pela transformação da matéria bruta e sempre tive interesse especial em joias.

De onde você busca inspiração para criar suas coleções?
Acho que em tudo… Na arquitetura, em obras de arte, na paleta de cores maravilhosa da natureza.

Foto: Divulgação
Foto: Divulgação

Qual o seu propósito com a sua marca?
Crio joias para mulheres de espírito jovem, cool e chique. Acho importante a mulher se sentir bem com seu visual, todos os dias, e acredito que as joias podem ajudar em seu empoderamento.

Quais serão as próximas novidades da marca?
Estamos ampliando nossa primeira coleção, a “Borboleta”, que segue bem o DNA da marca. São peças com design marcante, e ao mesmo tempo delicadas. Feitas apenas em metal, com tecnologia de corte à laser – são peças eternas, produzidas com tecnologia moderna.

O que acha que é tendência em joalheria no momento?
Acho que a tendência da moda em geral é o consumo consciente. Essas joias que estou desenvolvendo é exatamente isso: são peças atemporais, para usar todo dia, dia e noite e não para ficar guardada a sete chaves.

Leia mais:
Tiffany anuncia e exposição “Vision & Virtuosity”
Bulgari: B.zero1 celebra 20 anos com arte
Três relógios-braceletes para levantar o seu look