Foto: Getty Images

O clima da coleção de verão da Bottega Veneta é dos anos 1940, da era do jazz. Vestidos ampulheta, com cintura marcada por cintos finos e saias lápis abaixo dos joelhos, camisas com ombreiras e plataformas altíssimas com saltos grossos, típicas da década, estão lá. Mas o estilista Tomas Maier sabe imprimir seu toque de modernidade – e sensualidade, até. Bordados de miçangas e paetês e detalhes de spikes em alguns dos tops e a lingerie à mostra em um look revelador, por exemplo, trazem o passado direto para agora.

A profusão de florais segue como uma das tendências da vez também na semana de moda de Milão. A estampa está em muitos dos vestidos de Meier, que às vezes mistura duas padronagens em uma mesma peça. O estilista mantém a cartela de cores sóbrias, entre marrons, laranjas fechados, vermelho escuro e toques de preto.

No verão, as bolsas mais desejadas do mundo seguem com o tressê tradicional da Bottega, e ganham força com a aplicação de franjas em maxicarteiras, totes e modelos grandes, de mão. Confira abaixo looks e acessórios selecionados do desfile realizado neste sábado (22.09).

Veja mais:
Novos florais para o verão 2013 na semana de moda de Nova York