Donatella Versace - Foto: Getty Images
Donatella Versace – Foto: Getty Images

A Versace não usará mais pele de animais em seus produtos! A declaração foi feita pela própria Donatella Versace em uma entrevista para a revista “The Economista 1843”, que sairá nesta sexta-feira (16.03): “Pele? Estou fora disso. Eu não quero mais matar animais em nome da moda. Isso não me parece mais certo.”, disse a estilista.

A novidade foi recebida com muita alegria pelo vice-presidente do PETA (principal órgão americano que protege os animais), Dan Matthews, que divulgou o seguinte comentário: “nós já fizemos diversos protestos contra a marca, durante desfiles e até mesmo campanhas, então esse novo posicionamento é mais do que bem-vindo.”

Donatella Versace ao lado das supermodelos: Claudia Schiffer, Naomi Campbell, Cindy Crawford e Helena Christensen - Foto: Getty Images
Donatella Versace ao lado das supermodelos: Claudia Schiffer, Naomi Campbell, Cindy Crawford e Helena Christensen – Foto: Getty Images

A grife italiana está seguindo uma tendência que tem crescido bastante de banir peles de seus produtos. Outras grandes marcas como Gucci, Tom Ford, Tommy Hilfiger, Michael Kors, Stella McCartney, Ralph Lauren, Giorgio Armani e Calvin Klein. Donatella é uma amante dos animais e tem uma cachorrinha adotada, chamada Audrey, que até já estrelou nas campanhas da Versace.

Na contramão, a Federação Internacional de Pele está “desapontada” pela decisão, e CEO Mark Owen disse: “A maioria dos melhores estilistas continuará a trabalhar com peles, pois sabem que é um produto natural que é produzido com responsabilidade”. Ele ainda afirmou que “com a crescente preocupação com o meio ambiente na moda, acredito verdadeiramente que a pele é a natureza e a escolha responsável para designers e consumidores”.

Desfile de Outono/Inverno 2017/18 da Versace que fez uso de pele de vison - Foto: Getty Images
Desfile de Outono/Inverno 2017/18 da Versace que fez uso de pele de vison – Foto: Getty Images