Ver essa foto no Instagram

 

Uma publicação compartilhada por Victoria Beckham (@victoriabeckham) em

Victoria Beckham se tornou um dos nomes mais esperados – e elegantes – do line up da semana de moda de Londres. Nesta edição, não foi diferente. Com fotos e vídeo feitos dentro de uma galeria de arte, a designer apresentou uma coleção que reúne o que a inspirou durante a quarentena.

Nos previews que deu da sua coleção de verão 2021, compartilhou que Mick Jagger, Jane Birkin, Nicola Peltz e Mia Regan (as duas últimas são as atuais parceiras dos filhos de Victoria) estavam entre suas inspiração e é possível ver isso na pegada vintage da linha, que reúne desde calças com comprimentos exagerados a slip dress.

Com uma coleção mais enxuta (apenas 20 looks, ou seja, metade do que a designer costuma apresentar) e mais usável, Victoria Beckham não deixou os ternos e camisas de lado, mas acrescentou um elemento que pouco aparece em suas coleções: o jeans, uma das peças mais usadas por ela durante a quarentena. Veja dez coisas que amamos no verão 2021 da marca:

O jeans

Fotos: Divulgação

Pouco utilizado nas coleções de Victoria Beckham, o jeans foi acrescentado com características valorizadas pela designer, principalmente a pegada vintage.

O comprimento

Foto: Divulgação

Calças ganharam comprimentos exagerados, se estendendo pelo chão.

Os slip dresses

Fotos: Divulgação

Feitos com seda e cetim, os vestidos com modelagem mais reta e caimento leve ganharam detalhes como alças finas e renda.

O toque de cor

Foto: Divulgação

As peças em um tom vivo de verde ficaram responsáveis por acrescentar cor à coleção.

O colete

Foto: Divulgação

Presente nas coleções de outras marcas, o colete se apresenta como uma peça curinga. Nas imagens da coleção da Victoria Beckham, ele substitui camisas e blusas, em um styling mais despojado e sensual.

O sapato

Foto: Divulgação

Um dos destaques da coleção – e dos queridinhos de Victoria – é o modelo de sapato apresentado. Com salto fino e curvado, o modelo ganhou um detalhe com grossas correntes.

O smoking

Fotos: Divulgação

Inspirado no guarda-roupa masculino, o smoking foi combinado com vestidos e saias, acrescentando ainda mais elegância à coleção.

As correntes

Foto: Divulgação

Assim como no sapato, colares feitos com correntes grossas foram acrescentados ao styling.

Os recortes

Fotos: Divulgação

Alguns recortes foram usados para que vestidos deixasse a pele mais à mostra – tanto nas costas, quanto pequenos decotes abaixo dos seios.

Os neutros

Fotos: Divulgação

Além da adição do verde, os tons mais neutros – puxando mais para o amarelo – foram usado como elemento de elegância, além de remeter à trajetória da label.