Foto: Pixabay

Por Chiara Gadaleta

Em tempos incertos, a consciência pode nos unir e, sabendo disso, algumas empresas já estão se preparando para um futuro mais saudável, sustentável e solidário.

Algumas empresas participantes da plataforma A Moda Pela Água, atentas às transformações para a retomada, estão se posicionado a favor das questões sociais e ambientais.

Foto: Divulgação

A Damyller lançou recentemente o #damyllerpelofuturo, apresentando suas práticas de impacto positivo, ações voltadas ao meio ambiente frutos de pesquisas que se refletem em seus produtos agregando design, tecnologia e ecologia às coleções.

Foto: Divulgação

Destaque para o uso responsável do recurso hídrico. Todos os efluentes industriais gerados  pela fábrica da Damyller seguem para a Estação de Tratamento de Efluentes (ETE), onde recebem tratamento adequado antes de serem devolvidos ao rio São Bento, garantindo 100% de atendimento aos padrões da legislação ambiental vigente.

Além disso, o maquinário da  etapa de lavanderia realizam processos sustentáveis sem o uso de água, gerando zero descarte por meio de uma combinação de uso da máquina de ozônio com a máquina a laser. Para saber mais sobre a #damyllerpelofuturo clique aqui!

Foto: Divulgação

A Vicunha, outra guardiã da Água na Moda, continua desenvolvendo ações de apoio à sociedade no combate ao avanço da pandemia no Brasil e fortalece sua parceria com marcas, jovens estilistas, instituições e pequenos empreendedores por meio da criação de um banco de tecidos. Batizada de VTEX, a iniciativa reforça a atuação da empresa com foco no estímulo à moda nacional e no incentivo a novos talentos e negócios do setor. Também  amplia seu viés social para atender a necessidades urgentes no contexto da Covid-19.

Vamos juntos em prol da saúde, a minha, a sua e a do planeta.

Bjs,

Chiara