Amarelo, laranja e açaí são algumas das principais cores da estação – Foto: Divulgação

O outono é uma das épocas do ano mais populares para casamentos. A vantagem de ter dias menos quentes e uma brisa mais fresca permite uma celebração muito mais elegante e pessoal. A estação, que começa neste domingo (20.03), às 12h32, é marcada por cores quentes e acolhedoras, ideais para a decoração.

Além de oferecer inúmeras possibilidades de espaços, a estação possibilita um casamento mais econômico, por estar na baixa temporada. O decorador de casamentos Sávio Cardoso considera o outono como uma época ideal para organizar uma cerimônia. Podem acontecer algumas surpresas climáticas desagradáveis, mas a gama de cores, o visual característico e os locais escolhidos fazem tudo valer a pena.

“A vantagem de realizar um casamento no outono é que podemos usar os elementos da estação a nosso favor. As folhas das árvores mudam de tons antes de caírem no chão e isso acaba criando uma pintura impressionista. Falo de cores como o vermelho, o marrom, amarelo, que são tonalidades mais quentes. Essa mistura promove aos convidados uma sensação de aconchego, ainda mais quando é feita de forma harmônica”, explica o decorador.

A tonalidade burgundy é a marca oficial da estação – Foto: Divulgação

Para ele, vale a pena apostar em uma celebração ao ar livre, ou em espaços que permitam que o exterior seja visto: “precisamos aproveitar tudo o que a estação oferece, esse festival de cores gera uma atmosfera romântica e calorosa”, comenta.

Por fim, o decorador destaca como a natureza e a iluminação do local devem desempenhar um papel importante. “É fundamental investir nos elementos da temporada para compor a decoração, são eles que dão um toque ainda mais especial, como galhos de árvores, troncos, pétalas de flores, folhas secas, entre outros. Espalhar pelas mesas, bandejas, aumentam essa sensação de clima outonal. Sem falar no jogo com a iluminação que podemos fazer, usar cortina de luzes, lâmpadas de filamento, cada detalhe faz a diferença”, ressalta Sávio.