são opção das fãs do (quase) extinto branquinho - Foto: Reprodução/Harper's Bazaar
são opção das fãs do (quase) extinto branquinho – Foto: Reprodução/Harper’s Bazaar

Por Thiago Justo

Foi longo o período em que fomos bombardeadas por imagens de unhas esmaltadas de todas as cores (e, mais re­centemente, até estampas e texturas). Agora, num respiro muito bem­-vindo, novas tonalidades de nude, que incluem pitadas de coral e rosa e acaba­mento refinado, estão fazendo as adeptas de unhas maxidecoradas mudarem a car­tela de cores na hora de passar no salão. Mais que isso: são a nova opção das fãs do (quase) extinto branquinho.

Nas passarelas de outono internacio­nais, duas manicures captaram a nossa atenção. No desfile da Gucci, as mode­los usavam unhas longas, pontiagudas, reforçando a volta do shape que lembra as divas 40’s. Todas elas eram claras, dei­xando as mãos e os dedos alongados. Na Givenchy, o estilo era mais rocker: unhas curtas e, mais uma vez, redondas receberam uma camada quase transpa­rente de bege.A tendência também aproveita a volta dos anos 90 e evoca o minimalismo à la Céline.

Zoom em dois looks do desfile de inverno da Gucci -  Fotos: Getty Images
Zoom em dois looks do desfile de inverno da Gucci – Fotos: Getty Images

As ousadas podem optar pelos 100% cremosos, que, em duas camadas, fazem as unhas praticamente desaparecerem. Ortodoxas devem procurar os rosados, mais fáceis de usar e ainda discretos. Quem vai sofrer de abstinência dos es­maltes, digamos, exóticos pode optar pe­los perolados e cintilantes – que voltam à cena com força. Experimente os doura­dos com fundo amarelo, como o Versail­les, da Nars, ou cobertos com glitter, como o Beige Lótus, da Dior, que dá um tom lúdico às unhas…