Por Vânia Goy, de Paris*

Nos backstages da semana de moda de Paris nada é tão apontado como tendência para o próximo verão quanto a textura de pele real e perfeita. Leia-se: mínimo de base e produtos cheios de tecnologia.

Issey Miyake - Fotos: Getty Images e Marcio Madeira

No backstage da marca Issey Miyake, que mostrou meninas de pele bem fresquinha na passarela, Fabiana Gomes, maquiadora sênior da M.A.C. no Brasil, recomendou que as brasileiras deixem de ser dependentes do pó. “Temos pele naturalmente brilhante por conta do clima”, explica. “Não adianta querer acabar com o brilho sobrepondo camadas de base e pó. A intenção deve sempre mostrar pele e não produto.”

Haider Ackermann - Foto: Getty Images

Stephanie Marais, que comandou o backstage de Haider Ackermann concorda e aposta em uma pele “perolizada” com a ajuda estratégica de iluminadores. “Eles são fundamentais para garantir o ar radiante.”

Kenzo - Fotos: Getty Images e Marcio Madeira

Yadim, que assinou o make de Kenzo, também aposta na dose mínima de base, para corrigir apenas o necessário, e iluminador como elemento-chave para evidenciar as linhas do rosto de forma leve e fresca. “Nem sempre o pó é necessário para finalização, mas as escolhas dependem de cada pele. Quem costuma brilhar ao longo do dia pode usar pouca quantidade apenas para manter o make vivo depois de algumas horas”, disse.

*Vânia Goy viajou a convite da M.A.C.