Leticia Abraham - Foto: Thiago Justo
Leticia Abraham – Foto: Thiago Justo

Por Ligia Carvalhosa

Ela se formou em Administração de Empresas, mas vem da união entre antropologia, moda e consumo o know-how que lhe rendeu o cargo de vice-presidente da WGSN Latin, braço local da empresa global de inteligência criativa. “Estudamos comportamentos emergentes no mundo e inspiramos pessoas a pensarem o novo”, explica Leticia Abraham, sobre os famosos relatórios de tendências de moda, comportamento, consumo, design, gastronomia, arte, cultura, habitação e arquitetura. Para tanto, viajar, ao menos uma vez por mês, é essencial. Mas nada que Leticia já não estivesse acostumada.Antes de assumir o posto atual, já atuava no meio com sua Mindset, agência de criação que foi comprada e incorporada à divisão de consultoria da WGSN.

“Minha relação com moda começa na admiração pela estética”, diz ela, sobre o constante exercício de observação. “É um lugar de expressão individual, de inspiração na personalidade de cada um.” O fino faro e senso estético apurado, claro, vão além dos méritos profissionais. Em seu guarda-roupa mantém uma seleção primorosa de peças de marcas emergentes aos gigantes do luxo. “Já fui de consumir fast-fashion, mas acho que estamos descartando demais e tenho buscado peças menos efêmeras.” O resultado é visível na qualidade do que consome hoje, como as botas Chanel e as joias Jack Vartanian que usa nesta foto.