Kate Hudson na capa da Bazaar US- Foto: reprodução
Kate Hudson na capa da Bazaar US- Foto: Terry Richardson

Kate Hudson é a protagonista da edição de dezembro da Harper’s Bazaar US. A atriz, que aparece na capa com um longo rosa e esvoaçante (foto), conversou com a repórter Laura Brown em um restaurante em Los Angeles.

“Vai ser um grande ano para mim”, disse. Aos 36 anos e longe de parar, Kate está com vários projetos engatilhados – que incluem seu livro de saúde e fitness, que será lançado em fevereiro, além de quatro filmes para serem lançados em breve. Mas as novidades não vem apenas no âmbito profissional.

Pela primeira vez em cinco anos, Kate está solteira (ela separou-se de Matthew Bellamy, vocalista do Muse, em dezembro passado). De uns tempos para cá, os tabloides a perseguem com possíveis namoricos – ora com caras mais novos, ora com mais velhos.

Kate usa macacão Dior e sandálias Gianvito Rossi - Foto: Terry
Kate usa macacão Dior e sandálias Gianvito Rossi – Foto: Terry Richardson

“Sabe, a grande sacada quando você entra em um relacionamento não é sair dele quando as coisas vão mal, e sim tentar. Caso não funcione, não tem o que fazer”, disse. “É mais fácil se familiarizar consigo mesmo quando se está sozinho.”

No final das contas, a atriz já tem dois homens em sua vida: Ryder, 11, seu filho com o músico Chris Robinson, e Bing, 4, fruto de seu casamento com Bellamy. “É tão bom tirar um tempo para mim, para centralizar minhas energias” diz. “Estou na idade e na hora de fazer isso, por isso agradeço por ter essa oportunidade. Eu tive meus filhos e meus relacionamentos. Consegui acalmar minha vida, estou em paz e este é um sentimento muito bom. ”

Kate Hudson veste jaqueta e shorts Louis Vuitton - Foto: Terry Richardson
Kate Hudson veste jaqueta e shorts Louis Vuitton – Foto: Terry Richardson

Ainda sobre relacionamentos, admite: “Se algo não está dando certo, não acredito que manter [ a relação ] só para não quebrarmos o conceito de família tradicional seja o certo. Acredito que existam várias maneiras de se criar os filhos – não necessariamente com todos os elementos que incluem uma família.  O mais sensato é criá-los em um ambiente feliz”.

Sob a perspectiva de que Hollywood aprisiona os relacionamentos, ela diz: “Eu sempre dou risada das pessoas que dizem ‘Hollywood … vivem em uma mundo a parte’. Eu sou mais do tipo ‘Não, depende de você !’ Estatisticamente falando, todo relacionamento tem 50% de chances de dar certo, não importa aonde você esteja. As chances são ótimas, não?”