Busca Home Bazaar Brasil

Deborah Secco e moda: “Não sou uma expert, mas tenho muito respeito”

A atriz aprende com as pessoas ao seu redor e aplica conhecimentos à vida e carreira

by Marcela Palhão
Macacão Bobstore, sutiã Hope e lenço Dior - Foto: Bob Wolfenson, com edição de moda de Luis Fiod, coloração de Anderson Couto, beleza de Ale de Souza e tratamento de imagem da Factory Retouch

Macacão Bobstore, sutiã Hope e lenço Dior – Foto: Bob Wolfenson, com edição de moda de Luis Fiod, coloração de Anderson Couto, beleza de Ale de Souza e tratamento de imagem da Factory Retouch

Deborah Secco não tem medo de assumir que não é especialista em moda, mas, sim, uma grande admiradora e estudiosa do assunto. “Minha relação com a moda, há uns 20 anos, é de humildade. Sei que não sou uma expert, mas tenho muito respeito e gosto muito de brincar nesse universo”, confessa a atriz.

SIGA A BAZAAR NO INSTAGRAM

Deborah usa vestido estampado e botas de couro Bobstore e cinto Dior - Foto: Bob Wolfenson, com edição de moda de Luis Fiod, coloração de Anderson Couto, beleza de Ale de Souza e tratamento de imagem da Factory Retouch

Deborah usa vestido estampado e botas de couro Bobstore e cinto Dior – Foto: Bob Wolfenson, com edição de moda de Luis Fiod, coloração de Anderson Couto, beleza de Ale de Souza e tratamento de imagem da Factory Retouch

“Quando iniciei minha carreira, eu desconhecia a moda. Acabei tendo contato quando comecei a trabalhar com pessoas relacionadas ao assunto e demorei um pouco para entender como funcionava”, diz no camarim da sessão de fotos para a capa da Harper’s Bazaar.

Camisa western Bobstore - Foto: Bob Wolfenson, com edição de moda de Luis Fiod, coloração de Anderson Couto, beleza de Ale de Souza e tratamento de imagem da Factory Retouch

Camisa western Bobstore – Foto: Bob Wolfenson, com edição de moda de Luis Fiod, coloração de Anderson Couto, beleza de Ale de Souza e tratamento de imagem da Factory Retouch

Deborah acha que deve tratar o assunto com humildade por não ser uma modelo, mas uma grande admiradora. “Me fascina muito pensar no que eu vou vestir, como vai ser meu cabelo. Hoje está muito presente na minha vida”, conta.

Camisa Saint Laurent, xale de franjas amarrado como saia Bobstore e botas Dior - Foto: Bob Wolfenson, com edição de moda de Luis Fiod, coloração de Anderson Couto, beleza de Ale de Souza e tratamento de imagem da Factory Retouch

Camisa Saint Laurent, xale de franjas amarrado como saia Bobstore e botas Dior – Foto: Bob Wolfenson, com edição de moda de Luis Fiod, coloração de Anderson Couto, beleza de Ale de Souza e tratamento de imagem da Factory Retouch

Para se desenvolver no assunto, a atriz costuma estudar as pessoas que admira e que conhece graças ao seu trabalho. “Acho que não é uma pessoa, acho que todas acrescentam, algumas mais e outras menos. Mas como moda é uma visão particular, acho que toda referência que chega para mim é mais um aprendizado”, explica.

Camisa com franjas, calça e chapéu Bobstore - Foto: Bob Wolfenson, com edição de moda de Luis Fiod, coloração de Anderson Couto, beleza de Ale de Souza e tratamento de imagem da Factory Retouch

Camisa com franjas, calça e chapéu Bobstore – Foto: Bob Wolfenson, com edição de moda de Luis Fiod, coloração de Anderson Couto, beleza de Ale de Souza e tratamento de imagem da Factory Retouch

Quando questionada sobre como definiria seu estilo, Deborah se chama de camaleoa e diz que não se enxerga como uma mulher sexy, mas como uma atriz pronta para mudar. Além disso, acha mais tranquilo fazer fotos ou desfilar do que atuar em uma novela, por não ser o seu trabalho. Para ela, “se errar, não é algo muito grave, porque não é uma responsabilidade minha ser bem sucedida nisso. É uma brincadeira mesmo”.

Camisa, vestido assimétrico e cinto utilitário Bobstore, sutiã Hope e botas Dior - Foto: Bob Wolfenson, com edição de moda de Luis Fiod, coloração de Anderson Couto, beleza de Ale de Souza e tratamento de imagem da Factory Retouch

Camisa, vestido assimétrico e cinto utilitário Bobstore, sutiã Hope e botas Dior – Foto: Bob Wolfenson, com edição de moda de Luis Fiod, coloração de Anderson Couto, beleza de Ale de Souza e tratamento de imagem da Factory Retouch

E se engana quem pensa que Deborah é ligada a marcas e sonha com peças caras. “Aprendi a me satisfazer com as coisas que tenho e saber aproveitar as coisas antigas, revisitá-las. Tem coisas que a gente esquece em um canto. O que tenho feito muito é comprar coisas usadas e vender minhas coisas, acho que essa troca possibilita mais que tenhamos esses sonhos impossíveis”, explica.

Vestido assimétrico Bobstore, paletó Saint Laurent e botas Dior - Foto: Bob Wolfenson, com edição de moda de Luis Fiod, coloração de Anderson Couto, beleza de Ale de Souza e tratamento de imagem da Factory Retouch

Vestido assimétrico Bobstore, paletó Saint Laurent e botas Dior – Foto: Bob Wolfenson, com edição de moda de Luis Fiod, coloração de Anderson Couto, beleza de Ale de Souza e tratamento de imagem da Factory Retouch

Vestido-camisa e botas de couro Bobstore - Foto: Bob Wolfenson, com edição de moda de Luis Fiod, coloração de Anderson Couto, beleza de Ale de Souza e tratamento de imagem da Factory Retouch

Vestido-camisa e botas de couro Bobstore – Foto: Bob Wolfenson, com edição de moda de Luis Fiod, coloração de Anderson Couto, beleza de Ale de Souza e tratamento de imagem da Factory Retouch

Vestido Bobstore - Foto: Bob Wolfenson, com edição de moda de Luis Fiod, coloração de Anderson Couto, beleza de Ale de Souza e tratamento de imagem da Factory Retouch

Vestido Bobstore – Foto: Bob Wolfenson, com edição de moda de Luis Fiod, coloração de Anderson Couto, beleza de Ale de Souza e tratamento de imagem da Factory Retouch

Leia mais:
Deborah Secco é apresentada como rainha do Camarote Allegria
Veja o primeiro look de Deborah Secco como Rainha do Baile do Copa
Deborah Secco sobre Maria Flor: “hoje eu trabalho por ela”