Foto: Divulgação

Por Patricia Carta e Rodrigo Yaegashi

O desfile de verão 2021 da Fendi aconteceu virtualmente nesta quarta-feira (23.09). Uma passarela sinuosa fechada por cortinas de cambraia de algodão refletiam grandes janelas, proporcionando um ar de frescor e aconchego. A filmagem que sobrepunha imagens de forma delicada, com mais intensidade no final, ajudava a direcionar os olhos para os looks e seus acessórios, protagonistas da marca.

SIGA A BAZAAR NO INSTAGRAM

Inclusivo, gender e ageless, o desfile manteve-se soft até o final. Mesmo quando exibiu formas mais geométricas e bem esculpidas. Um retrô-futurista trouxe matelassês em coletes e outras peças sobrepostas em roupas brancas. O frescor das peças de alfaiataria rigorosa aparecia nos recortes, nos acabamentos e nas proporções inesperadas. Uma mistura de comprimentos e de silhuetas se harmonizaram.

O handmade fez parte do prêt-à-porter de excelência. Menos engomado, quando apareceram looks pretos relaxados. Uma pitada excêntrica sútil veio no brinco feminino em um look masculino, ou na meia de cor elétrica em uma roupa posh. Para temperar brancos e cores sorvete, pitadas de vermelho e pink em full looks acenderam a passarela.

Bem editado, a luz que refletia as janelas nas finas cortinas, criou um trompe-l’oeil e uma mágica analogia sobre a situação atual. Do lado de dentro, previa e sentia-se um suave verão outdoor. Veja dez coisas que amamos na coleção:

A delicadeza

Foto: Divulgação

O vestido avental branco se destaca pela quantidade de detalhes. A delicadeza do acabamento, a gola de camisa sobreponto a gola alta, as mangas que se prolongam em luvas, entre outras características delicadas.

As bermudas

Foto: Divulgação

Com modelagem reta, as bermudas ganharam um toque a mais ao serem feitas com renda. A escolha do tecido e a opção por apresentá-las sem forro tira a peça do lugar que a relacionava à alfaiataria masculina.

O acessório dos acessórios

Foto: Divulgação

As mini bags da Fendi ganharam diferentes acessórios próprios, incluindo cases para Air Pods e Apple Watch, mas um se destacou entre os diferentes acréscimos: as capas de renda que mudam a forma da peça.

Toque manual

Fotos: Divulgação

A coleção é permeada por detalhes e materiais que remetem ao trabalho manual, como roupas e acessórios em crochê, cestaria e entrelaçados.

Neon

Fotos: Divulgação

Os acessórios ficaram responsáveis por acrescentar toque neon à coleção, cuja paleta predominante tem off-white, azul, vermelho e preto.

Estampa

Foto: Divulgação

Silvia Venturini Fendi optou por usar poucas estampas nesta coleção, mas criou um print inspirado em janelas e suas sombras.

Casting

Fotos: Divulgação

Optando por um desfile presencial, a Fendi acertou em cheio ao escalar um casting com diversidade de idades e corpos.

Mangas

Fotos: Divulgação

Camisas e vestidos ganharam um detalhe interessante: as mangas tem recortes que as deixam abertas até a altura dos ombros.

Mix

Fotos: Divulgação

No styling, longos casacos de alfaiataria foram combinados com viseiras esportivas.

O final

Fotos: Divulgação

Para finalizar o desfile, a Fendi apostou em peças de matelassê, incluindo coletes e sobretudos.