Fotos: Getty Images

A obra do pintor espanhol Francisco de Goya, mais especificamente a pintura Retrato de Maria Teresa de Vallabriga em seu Quintal, foi o ponto de partida de Keren Craig e Georgina Chapman para criar a coleção de inverno 2014 da Marchesa, apresentada na quarta-feira (13.02), na semana de moda de Nova York.

Assim, a aristocracia europeia do século 17 deu o tom da apresentação, com foco em ricas duquesas e seus impressionantes vestidos de festa. Cheias de volumes e bordados, as criações vistas na passarela nova-iorquina são muito femininas e dramáticas. Natural que os tons derivados do vermelho ganhem destaque na cartela de cores, variando entre o burgundy, fúcsia e o sangue, sempre bem decorado pelos arabescos dourados, característicos da época. Pitadas de cinza e preto completam a paleta da grife.

A impressão que fica é de uma coleção extremamente luxuosa, que sem sombra de dúvida será um sucesso nos tapetes vermelhos internacionais na próxima estação.