Fotos: Getty Images

Marca registrada das irmãs Laura e Kate Mulleavy, a sobreposição de ideias, texturas e tecidos volta a aparecer na passarela da Rodarte. Desta vez, o caldeirão da dupla inclui fortes pitadas góticas, com referências também ao skate, motociclismo e, claro, punk (não à toa, elas são citadas na próxima expo do Met, sobre o movimento).

A coleção, que começa com pegada mais dark, propõe muita sobreposição de peças, em especial as jaquetas bikers e sobretudos que pontuam o desfile. Acessórios como escarpins e sapatilhas tipo creepers e cintos e colares de arame farpado dão, mesmo aos looks em total white, ar bem hard.

Ao fim da apresentação, os tecidos estampados em tie-dye trazem vida à coleção, que faz clara referência à California no fim dos 80, mais especificamente a Santa Cruz, lugar (e data) em que cresceram Laura e Kate.