Inspirada no território selvagem e nômade da Mongólia, nas cúpulas coloridas da catedral de São Basílio e nos skylines de Moscou, a Issa apresenta seu outono/inverno 2012 na London Fashion Week, no dia 18 de fevereiro.

A coleção traz o Expresso Trans-Siberiano, que parte de Moscou em direção ao deserto da Mongólia, como cenário dessa jornada, com referências opulentes e elegantes.

A inspiração foi traduzida em tecidos com fios de ouro, além do crepe da china e jérsei, marca registrada da Issa. A seda devorê e seu efeito sobre a pele delicada foi reforçada pelo acabamento acetinado.

Azul, verde e vermelho dão o tom da temporada, além das cores vivas da bandeira da Mongólia. Os traços são fortes, com linhas arrojadas e zigue-zagues que refletem a decoração nômade das vastas e inóspitas paisagens do deserto.

Os vestidos são ultra-femininos e as blusas clássicas. Destaque para os quimonos de seda. A temporada também traz linhas longas e languidas. Para arrematar, bolsas-laço e colares.

Foto: Getty Images