Foto: Divulgação

A Farfetch apresenta a ferramenta de Fashion Footprint do consumidor – pegada de moda – com o objetivo de fazer com que os clientes possam ver de que forma podem ajudar o planeta com seus guarda-roupas. A ferramenta foi desenvolvida a partir do resultado de uma pesquisa, encomendada pela Farfetch em parceria com a QSA, ICARO e London Waste and Recycling Board (LWARB), que considerou os impactos ambientais médios (carbono, água, resíduos) dos tecidos de moda.

SIGA A BAZAAR NO INSTAGRAM

Lançada no site Farfetch.com, a ferramenta permite que os consumidores, ao optar por fazer uma compra, considerem quais materiais podem reduzir o impacto ambiental de sua escolha e vejam as economias ambientais ao incorporar produtos de menor impacto em seus guarda-roupas.

A ferramenta faz parte da iniciativa de sustentabilidade “Positively Farfetch” da empresa, lançada no ano passado. O compromisso exemplifica ainda mais a missão da Farfetch de ser a plataforma global para o bem da moda de luxo – capacitando todos com quem trabalham para pensar, agir e escolher positivamente.

Giorgio Belloli, diretor comercial e de sustentabilidade da Farfetch explica: “Com esta pesquisa, queremos apoiar nossos parceiros e, mais amplamente, o setor de luxo, ajudando a promover mudanças positivas. Além das iniciativas de negócios principais que estamos lançando no espaço de sustentabilidade, pretendemos nos tornar uma fonte de dados e ferramentas no espaço circular para impulsionar essa mudança positiva. Isso marca o primeiro passo nessa direção”.