Foto: Divulgação
Foto: Divulgação

As águas são calmas e cristalinas, e os ventos, constantes. A leste de Porto Rico, no Mar do Caribe, um arquipélago de 60 ilhas convida a uma viagem high low. Algumas das ilhas são selvagens, outras, povoadas por pequenos hotéis e pousadas, ou ocupadas por um único resort superexclusivo. Richard Branson, fundador do Virgin Group, é dono de Necker Island, e sua casa pode ser alugada.

SIGA A BAZAAR NO INSTAGRAM

Não por acaso, as Ilhas Virgens Britânicas são refúgio de muitas celebridades, como Giorgio Armani e Heidi Klum. A melhor forma de conhecer esse paraíso é o island hopping – literalmente, pulando de ilha em ilha, a bordo de uma pequena embarcação.

O CATAMARÃ

Foto: Divulgação
Foto: Divulgação

Primeira dica: alugar um catamarã tripulado da empresa de charters The Moorings. O Moorings 58 pés é o maior, com seis suítes (uma para
o staff). O roteiro é personalizado e você recebe um check list para preencher suas preferências: drink, tipo de vinho, esporte… A viagem é desenhada com base nisso – desde a playlist até a gastronomia e os passeios dia a dia.

AS ILHAS

Foto: Divulgação
Foto: Divulgação

O roteiro começa no aeroporto da minúscula Beef Island, colada a Tortola, a ilha principal do arquipélago, local da base do The Moorings. Embarque com direito a tapas e espumante: o barco zarpa para Peter Island e ancora ao entardecer. De lá, navega rumo a Norman Island, onde é inacreditável o snorkelling no The Caves, santuário com três grutas e peixes multicoloridos.

Então, segue para The Baths, em Virgin Gorda. Mas, antes, passa por Cooper e Ginger Island – Cooper abriga um hotel sustentável de dez quartos. The Baths é uma praia com grandes rochedos que formam piscinas naturais. O mergulho é maravilhoso, e a praia, praticamente só sua.

Então, visita a Spanish Town e aperitivos à base de peixe cru no restaurante Coco Maya. Em Scrub Island, a próxima parada, snorkelling nos recifes de corais. Depois, Guana Island, uma das mais bonitas, e Jost Van Dyke Island, conhecida pela vida noturna do Foxy Bar. Do outro lado da ilha, prova do Pain Killer, signature drink do Soggy Dollar Bar, mix de rum, coco, suco de laranja e noz-moscada.

Já em Sandy Spit Island, basicamente um banco de areia, prática de wakeboard e stand up paddle. De volta à base do The Moorings, jantar de despedida a bordo. Vale incluir Anegada, a ilha famosa pelas lagostas gigantes fresquinhas – a temporada do crustáceo vai de novembro a junho.

VIAGEM COM O APOIO DA INTERCARIBBEAN AIRWAYS

Leia mais:
Royal Clippers: Bazaar faz um passeio no maior veleiro do mundo
Day use: dê um mergulho no mar com luxo no litoral sul de São Paulo
Polinésia Francesa surpreende e se destaca como paraíso para a lua de mel