Foto: Mariana Maltonia, com edição de moda de Renata Correa, beleza de Vanessa Rozan, cabelo de Ana Carolina Sabadin. As modelos são Natiele Alves e Angelica Erthal

Lampejo significa um brilho súbito, uma faísca ou um clarão. “Gosto de pensar na vida como vários momentos de lampejo. Eles nos fazem mudar as rotas, desviar escolhas ou mergulhar nelas. Imagino que esses momentos são o que trazem as curvas no nosso mapa e dão movimento para nossa história”, conta Rafaella Caniello, diretora criativa da Neriage, marca que apresentou nova coleção neste domingo (08.11), último dia de São Paulo Fashion Week.

“O que as roupas devem transmitir? Que significado elas devem ter? Mostrar sonhos, realidade, refletir um novo comportamento ou resgatar coisas de um passado que nos traz algum conforto? A preocupação deveria ser mais do que nunca encontrar as verdades que permeiam nossos objetivos, nossos propósitos. E estarmos firmes ligados a eles”, reflete a estilista.

Rafaella começou a pensar na coleção no final de 2019. “Acabei pulando uma temporada porque entendi que não era momento de lançar uma nova história, mas observar outras e entender a minha. Desde o início senti o desejo de falar sobre o significado de casa, do lugar que nos sentimos mais seguros. Ao mesmo tempo nos traz tantas memórias, nos faz sentir parte de um mapa de lugares e pessoas, acontecimentos que vão moldando nosso caminho e alterando nossa rota – e vão se tornando parte do que somos”, revela.

Muhammed Farris, primeiro e único cidadão sírio no espaço, também teve uma impressão interessante do significado de casa. Ele disse, em entrevista ao documentário “Human Flow”, do artista chinês Ai WeiWei, que quando estava suspenso na gravidade, avistando a Terra de uma perspectiva totalmente externa, todos parecíamos uma coisa só. Terras separadas por imensas faixas de água que nos conectam mais do que nos dividem. E que insanidade parece essa constante briga do ser humano pelo significado de território, quando na verdade vivemos todos juntos no mesmo espaço, dividindo as mesmas conexões.

A coleção “Lampejo” tem como inspiração o livro “Minha Casa é Onde Estou”, de Igiaba Scego, onde ela conta sobre a construção de um mapa da antiga Somália onde ela vivia, e a Roma onde ela cresceu e identifica como casa.

Os tons mais icônicos da Neriage aparecem nesta linha, como vermelho e azul royal. Um mix de tecidos leves, acetinados e estruturados que refletem também o nosso não pertencimento a estações definidas, mas a capítulos de uma história que é transmitida através do toque e da relação com o tempo.

As bolsas e chapéus são uma parceria com o Museu a Casa e a Acnur. Por intermédio da Fraternidade Humanitária Internacional, a Neriage criou peças que têm parte do lucro revertido para a causa.

Leia também sobre a joias que apareceram no desfile, das designers Luciana Narciso e Yasmim Passos, da marca Luciana Yasmim.

Veja abaixo as 10 coisas que amamos da coleção:

O vestido

Foto: Mariana Maltonia, com edição de moda de Renata Correa, beleza de Vanessa Rozan, cabelo de Ana Carolina Sabadin. As modelos são Natiele Alves e Angelica Erthal

Os vestidos da Neriage são muito especiais, mas este bicolor com os tradicionais tons da marca – vermelho e azul – conquistou os nossos corações.

O plissado

Foto: Mariana Maltonia, com edição de moda de Renata Correa, beleza de Vanessa Rozan, cabelo de Ana Carolina Sabadin. As modelos são Natiele Alves e Angelica Erthal

Rafaella é uma mestra em plissados, recurso fashion que ela mais ama. Ela leva a técnica para um novo nível, ao aplicá-la até em calças.

As listras

Foto: Mariana Maltonia, com edição de moda de Renata Correa, beleza de Vanessa Rozan, cabelo de Ana Carolina Sabadin. As modelos são Natiele Alves e Angelica Erthal

Preto e branco e sem erro: as listras mais grossas são a aposta da vez.

A estampa

Foto: Mariana Maltonia, com edição de moda de Renata Correa, beleza de Vanessa Rozan, cabelo de Ana Carolina Sabadin. As modelos são Natiele Alves e Angelica Erthal

A Neriage é uma marca que raramento trabalha com estampas. Mas, quando o faz, acerta em cheio. Esse xadrez é desejo absoluto.

A risca

Foto: Mariana Maltonia, com edição de moda de Renata Correa, beleza de Vanessa Rozan, cabelo de Ana Carolina Sabadin. As modelos são Natiele Alves e Angelica Erthal

Rafaella foge da tradicional risca de giz ao criar um tecido com fios prateados – perfeito para arrasar no noite.

O chapéu

Foto: Mariana Maltonia, com edição de moda de Renata Correa, beleza de Vanessa Rozan, cabelo de Ana Carolina Sabadin. As modelos são Natiele Alves e Angelica Erthal

Parceria com o Museu a Casa e a Acnur, por intermédio da Fraternidade humanitária Internacional, a Neriage criou peças que têm parte do lucro revertido para a causa.

A calça

Foto: Mariana Maltonia, com edição de moda de Renata Correa, beleza de Vanessa Rozan, cabelo de Ana Carolina Sabadin. As modelos são Natiele Alves e Angelica Erthal

Entre no clima gaúcho com a calça tipo bombacha usada com bota de cano longo. Chique!

O tom

Foto: Mariana Maltonia, com edição de moda de Renata Correa, beleza de Vanessa Rozan, cabelo de Ana Carolina Sabadin. As modelos são Natiele Alves e Angelica Erthal

Queremos muito azul e paz nesta temporada, e a tonalidade é sucesso nas roupas da Neriage.

A bolsa

Assim como o chapéu, a bolsa também tem fundo beneficente – e é linda.

As joias

Foto: Divulgação

Peças icônicas são uma parceria com as desginers Luciana Narciso e Yasmim Passos, da marca Luciana Yasmim.