Donatella Versace com executivos da Michael Kors - Foto: Divulgação
Donatella Versace com executivos da Michael Kors – Foto: Divulgação

Mesmo com a semana de moda de Paris a pleno vapor, o assunto da terça-feira (25.09) no mundo da moda foi um só: a venda da Versace para o grupo Michael Kors – que agora se chama Capri Holding e que engloba a grife homônima do estilista norte-americano, a própria Versace e a label de sapatos Jimmy Choo – por US$ por US$ 2,1 bilhões (cerca de R$ 8,6 bilhões).

Logo depois de anunciar o negócio bilionário, Donatella Versace deu entrevista ao veículo especializado em moda WWD, e garantiu que a marca não vai se “tornar americana”, em suas próprias palavras.

A escolha de Michael Kors, ela defende, foi algo natural. “Devo confessar que não havia pensado nessa possibilidade. Estava muito feliz com o meu CEO Jonathan Akeroyd e todo o sucesso que conquistamos nos últimos anos para a companhia. Fui abordada por muitas pessoas, mas não dei muita bola para ninguém. Mas eu conheço John Idol [CEO da Michael Kors] há anos, eu quis falar com ele e a união foi imediata. Entendi na hora que ele poderia fazer esta empresa crescer, principalmente com seu conhecimento de e-commerce”, resume.

SIGA A BAZAAR NO INSTAGRAM

Donatella Versace no desfile que homenageou seu irmão, Gianni, em setembro de 2017 - Foto: Getty Images
Donatella Versace no desfile que homenageou seu irmão, Gianni, em setembro de 2017 – Foto: Getty Images

Ela diz ainda que não vai se afastar da Versace, pelo contrário, agora é acionista da Capri Holding. “Não tenho medo de não vejo a hora de recomeçar”, afirma. Sobre as críticas da imprensa italiana, que não aprovam muitas vezes quando as marcas do país são vendidas aos investidores estrangeiros, ela é enfática: “Não vamos nos tornar americanos – nós somos italianos e vamos continuar italianos. A Versace continua na Itália. Vamos criar muitos novos empregos. Vamos construir novas fábricas, e isso só vai ajudar a Itália”.

Leia mais:
Michael Kors compra a Versace por US$ 2,1 bilhões
10 coisas que amamos do verão 2019 da Versace
Esqueça o floral e invista no neon nesta primavera
Peles falsas ganham força nas grifes mais clássicas