Gisele Bündchen e sua filha praticando ioga - Foto: Reprodução/Instagram
Gisele Bündchen e sua filha praticando ioga – Foto: Reprodução/Instagram

No dia 21 de junho, celebra-se o Dia Mundial do Ioga. Embora a prática e suas modalidades sejam difundidas no mundo todo, muita gente nunca fez uma aula, com receio de que não estivesse apto. ” Se você tem um corpo, ioga é para você”, resume a professora de ioga Lili Biancardi, do Jiwa Body & Mind. Abaixo, ela lista cinco mitos sobre esse exercício milenar.

1. Ioga é só para quem é flexível
Alguns veem ioga como uma prática puramente física, sendo que a ioga é um processo de autoconhecimento em que a parte física é uma ferramenta e não o objetivo final. Os ássanas, que são as posturas, são uma forma de você lidar com o que acontece no seu dia a dia, lidar com o conforto o desconforto e aprender a não se apegar às situações. Claro que um corpo flexível suporta o dia a dia com mais facilidade e mais saúde, mas a gente só tem um corpo na nossa vida, então é importante que ele seja um parceiro e não um obstáculo. Quando você ensina seu corpo a ser flexível, você ensina sua mente a também ser mais flexível

2. Ioga é muito parado para uma pessoa agitada
Existem várias práticas, algumas dinâmicas e outras mais estáticas. As modalidades como Vinyasa flow, Ashtanga, Power Ioga são intensas, exigem força e equilíbrio. Hatha Ioga, por exemplo, é mais lenta mas exige muito equilíbrio, enquanto a Ioga Terapêutica e Ioga Restaurativa são mais suaves e passivas.

SIGA A BAZAAR NO INSTAGRAM

Fernanda Lima e Dany Sá - Foto: Divulgação
Fernanda Lima e Dany Sá – Foto: Divulgação

3. Quem tem problema de coluna não pode praticas ioga
As posturas podem ser adaptadas de acordo com as necessidades individuais. Existem inclusive acessórios para isso. As práticas são sempre adaptadas ao praticante, e não ao contrário.

4.  Ioga é só para quem é magro
Todo mundo tem suas limitações, sejam anatômicas, fisiológicas ou emocionais. Ioga é traduzido como ‘união’ (corpo, mente e espírito). ioga é sobre auto-aceitação e sair da zona de conforto. Se você tem um corpo, ioga é para você.

5. Ioga é religião
Não é. É uma prática espiritual que faz despertar a sua própria verdade. Religião é algo dogmática, enquanto a espiritualidade permite que você siga seu coração. Você é livre para ser quem realmente é.

Leia também:
Fazer exercício em casal aumenta a motivação
Banho quente queima tantas calorias quanto fazer exercícios
Remédio de diabetes vira estrela no combate à obesidade