Modem, inverno 2022 – Foto: Divulgação

A Modem faz a sua sétima participação no São Paulo Fashion Week, novamente em formato digital, com uma coleção pensada para o inverno, que transita por um ambiente de arte e reforça, por meio da desconstrução, a essência da label.

André Boffano, diretor criativo da marca, partiu de dois dos seus desejos nesta temporada: a vontade de desenvolver e aumentar os itens genderless, para atender de forma atemporal seu crescente público masculino; e a necessidade de criar novas modelagens com design arrojado, conforto e versatilidade.

Modem, inverno 2022 – Foto: Divulgação

As formas amplas com cintura bem marcada, comprimentos mídi e sobreposições de materiais, que misturam seda, linho e diferentes tipos de lãs, foram pensados para vestir homens e mulheres. O destaque também está nas diferentes possibilidades de desconstrução das peças, através de partes destacáveis.

Modem, inverno 2022 – Foto: Divulgação

O panneau retangular, que recria mangas no tricô, pode ser percebido como influência para diferentes outras peças, como o detalhe das costas do casaco trench coat em lã cashmere ou para os peplum de saias e jaquetas.

Modem, inverno 2022 – Foto: Divulgação

A cartela de cores traz tonalidades-chave da estação, como o cáqui, o branco e o preto, em contraponto com cores vibrantes como o verde-bandeira, o azul-elétrico e o vermelho. Nuances de rosa, verde e azul, dialogam entre tons terrosos e ressaltam os detalhes metalizados no aviamento das peças.

Modem, inverno 2022 – Foto: Divulgação

O novo modelo da “Curve Bag” ganha estrutura alongada e em curva, alça texturizada e incorpora a estética industrial através dos ilhoses metálicos. Já os calçados foram criados em parceria com a Quattre, como Bazaar já contou aqui em primeira mão. Bravo!