Lellê – Foto: Divulgação

Convidamos da artista Lellê para dividir com a Bazaar a rotina da sua vida agitada no Rio de Janeiro. Ela passa 24 horas com o nosso time, veja o relato abaixo:

9h
A primeira coisa que faço ao acordar é agradecer a Deus. E depois olhar o celular. No café da manhã, como quase sempre as mesmas coisas, não abro mão de café com leite, que eu amo.

SIGA A BAZAAR NO INSTAGRAM

10h30
Escolhi vestir roupa de ginástica, porque fui para a academia e, depois, direto para os ensaios. Malhar e dançar são duas atividades inseparáveis para mim. Aliás, dançar sempre foi minha alegria e minha maior extravagância. A partir daí, encontrei o canto e minha forma de viver. A arte, na verdade, é minha maior extravagância. Ela me possibilitou existir e resistir.

Lellê – Foto: Divulgação

12h
Não deu tempo para almoçar. Às vezes, com a correria, não consigo. Comi algo no estúdio, entre uma música e outra. Minha rotina tem sido assim. Estou gravando as músicas que estarão no meu álbum. Estou ansiosa e não saio do estúdio! Ah, neste ano também sai um filme na Netflix, no qual estou no elenco (“Ricos de Amor”).

Lellê – Foto: Divulgação

1h
Hoje fiquei, do meio-dia até a 1h, ensaiando para dois shows diferentes. Um deles será em Fortaleza e estou muito empolgada. É sempre animador escolher repertório e coordenar a banda. O clima é de adrenalina e não posso parar jamais.

2h
Cheguei em casa e fui tomar um banho gostoso. Jantei mocotó. Comi muito feliz, porque é o tipo de comida que dá um carinho na alma. Precisa de mais?

Lellê – Foto: Divulgação

2h30
Curti um pouco o sossego da minha casa. Foi a única hora do dia em que fiquei em silêncio. Nesse momento, oro. É meu ritual para desacelerar, para dormir bem.

3h15
Fui dormir tarde, e tudo bem. Sonhei bastante com esse presente, com o agora. Nos próximos meses, essa rotina de casa-academia-estúdio deve se repetir. E eu não poderia estar mais feliz.