Foto: Unsplash
Foto: Unsplash

Se você aprecia vinho, com certeza já procurou aprender um pouco sobre como harmonizar o seu rótulo favorito com algum prato. Mas já reparou que raramente se harmoniza o vinho com doces? Pois saiba que vinho com chocolate tem tudo a ver.

SIGA A BAZAAR NO INSTAGRAM

Com a Páscoa chegando, consultamos Jean Stelmach, embaixador dos Vinhos do Alentejo no Brasil, preparou uma seleção de vinhos para harmonizar o seu chocolate predileto com o vinho adequado. Anote:

Eleja um tinto com chocolate ao leite
A maioria dos consumidores brasileiros prefere o tradicional chocolate ao leite. O Alento Tinto é uma boa escolha para acompanhar este tipo de chocolate, pois a sua doçura entra em sintonia com o açúcar presente no doce. Feito na região do Entremoz, no Alentejo, o delicioso neste vinho sem dúvida é sua fruta e o rico toque floral. Na boca, é alegre e traz as características da região e de suas castas. Tem equilíbrio, frescor e taninos macios. Além do chocolate ao leite in natura, você pode apreciar este vinho com o bolo de floresta negra.

Aposte no branco para chocolates brancos
Segundo predileto pelos brasileiros, o chocolate branco não pode faltar na Páscoa. A harmonização interessante para o chocolate branco é o Monte da Ravasqueira Viognier. Produzido na região de Arraiolos, no Alentejo, o vinho descansa seis meses em carvalho francês, além de um pequeno período em contato com borras, dando a ele uma textura cremosa e amanteigada, que somado a um frescor e nuances das frutas cítricas o deixam um bom corpo e um ótimo paladar.

Vinho aromático para chocolate mais amargo
Altamente gastronômico, o chocolate meio amargo não pode faltar para os paladares mais exigentes. Uma das grandes dificuldades para combinar com o vinho é a presença marcante de açúcar e de gordura do chocolate. Essas duas características envolvem as papilas gustativas de uma maneira que pode dificultar a percepção de outros sabores. Para sustentar esse peso, o vinho deve ser encorpado, aromático e complexo e ter alto teor de açúcar residual. A aposta correta acaba sendo o vinho Ripanço. Produzido na região de Reguengos Monsaraz, no Alentejo, este vinho gordo, de características generosas é muito aromático e combina as frutas vermelhas de bosque a um toque floral, com especiarias, chocolate e a baunilha do estágio em carvalho. Além do chocolate meio amargo in natura, você pode apreciar este vinho com tiramisú.

Leia mais:
Ovos de Páscoa que você só encontra no Rio de Janeiro
Vinhos e filmes que combinam uns com os outros
Conheça o novo hotel Fasano em Salvador