Retiros de wellness já nascem como hit do ano

A tendência da vez no turismo é viajar sozinho

by redação bazaar
Foto: Arquivo Harper's Bazaar

Foto: Arquivo Harper’s Bazaar

Viajar sozinho antes era visto como um constrangimento, com direito a olhares de reprovação. Hoje, é mais provável que os colegas pensem que você é um executivo esgotado que procura um descanso e relaxamento muito necessários, em vez de um solteirão trágico que nem a mãe quer ter como amigo de viagem.

SIGA A BAZAAR NO INSTAGRAM

Pode ser assustador sair de férias sozinho, mas um retiro de wellness é um ponto de partida perfeito, onde muitos outros estarão no mesmo barco e os horários das refeições provavelmente serão programados e organizados para você. Muitas vezes, você pode optar por comer sozinho ou participar de uma mesa comunitária, mas a decisão será toda sua, com base no que você deseja obter da experiência.

O Marbella Club, em Andaluzia, já reagiu à tendência crescente de viajantes solitários, que buscam experiências de bem-estar personalizadas e transformadoras, lançando uma série de retiros em 2020. O objetivo é evitar doenças comuns, como estresse, ansiedade, exaustão e problemas de saúde intestinal – e o hotel receberá especialistas em respiração, sofrologia (uma técnica de relaxamento baseada em ioga), fitness e menopausa para ajudar seus pacientes. A equipe da casa já tem nutricionistas e naturopatas.

O mercado global de wellness cresceu 12,8% nos últimos dois anos. Entre as aulas mais populares, a de respiração se tornou uma das técnicas mais buscadas para combater o estresse – a série do Marbella Club começará com um retiro organizado pelo especialista em respiração transformacional, Rebecca Dennis.

O chefe do bem-estar e gerente geral Julian Cabanillas diz: “Reconhecemos o desejo dos viajantes por uma experiência personalizada, estimulante e transformadora, da qual eles podem colher os benefícios muito além do tempo que passam no resort.” Com a equipe do spa, o objetivo é identifique a causa raiz de qualquer problema existente, incentive uma dieta balanceada e contemplação reflexiva da vida e forneça benefícios duradouros para cada hóspede.

O Pine Cliffs Resort, no Algarve, planejou uma série de retiros de bem-estar para 2020, tendo notado um aumento na popularidade de viajantes solitários em 2019. O retiro “Fit & Flow”, de cinco noites, acontece em maio, e reúne dois especialistas em fitness de Londres para um programa que incluirá orientação individual, ioga ao pôr-do-sol, pilates, longas caminhadas, massagens e refeições saudáveis.

Maria D´Orey, diretora do Spa de Arte do Bem-Estar, diz: “Quem viaja sozinho costumava ser desaprovado há pouco tempo, mas agora é uma das principais tendências de viagens de bem-estar. Vimos um número maior de viajantes do sexo feminino, que costumam fazer retiros de três a quatro noites, de preferência em algum lugar longe da civilização. O foco está na autocura e na obtenção do tempo necessário”.

Quanto ao motivo pelo qual fazer esse tipo de viagem solo é uma boa ideia, ele acrescenta: “Os retiros solos fornecem às pessoas o tempo necessário, sozinhas, dando-lhes espaço para que voltem sua atenção para dentro e se concentrem em suas próprias necessidades de bem-estar. As pessoas começaram a entender que dar um tempo para si mesmo é parte integrante de qualquer rotina de bem-estar. É também uma oportunidade de conhecer pessoas novas em um ambiente diferente – e uma chance de seguir uma atividade ou um estilo de vida com o qual você sempre sonhou, mas nunca realmente conseguiu cumprir os compromissos e responsabilidades da vida cotidiana”.

Leia mais:
Body positive: entenda do que se trata esse movimento
Cinco tendências de wellness para adotar já
Rishikesh: conheça a capital mundial da ioga